A baleia assassina…

Li Moby Dick pela primeira vez há cerca de 25 anos. Tenho uma lembrança um tanto enevoada da experiência, mas poderia tentar resumi-la no que hoje se costuma chamar “mixed feelings”. No entanto, como é claramente um título de “biblioteca básica”, fiz o propósito de reler a obra toda antes de comentar. E agora, com … Mais A baleia assassina…

Dorian Gray: muito mais do que apenas um rostinho bonito…

Um privilégio dos escritores de ficção é a possibilidade de fazer pequenas experiências com a realidade, para deixar à mostra aspectos que de outra forma seriam difíceis de perceber. Assim, podem alterar uma pequena regra nos mecanismos do universo, e a partir daí destacar pontos pouco explorados da natureza humana. Se o escritor é ruim, … Mais Dorian Gray: muito mais do que apenas um rostinho bonito…

Os direitos do leitor: 10) O direito de calar

Hoje, completando a série dos “Direitos do leitor”, falaremos sobre um curioso mas mal compreendido direito que você, leitor, compartilha com os bandidos capturados nas séries de TV: o famigerado “direito de ficar calado”! Não será um contrassenso falar sobre ficar calado, ainda mais depois de um post recente dedicado ao direito de ler em … Mais Os direitos do leitor: 10) O direito de calar

A história de amor mais famosa de todos os tempos…

  Shakespeare, como todos sabem, é um autor dificílimo de ler. São muito poucas as boas traduções, e o texto original é muitas vezes hermético até mesmo para os próprios ingleses. O esforço é grande, mas vale a pena, pois quando finalmente se compreende, percebe-se que o homem era de fato um gênio. Dentre suas … Mais A história de amor mais famosa de todos os tempos…

Os direitos do leitor: 9) O direito de ler em voz alta

  Todo mundo conhece a figura quase mitológica da bibliotecária, aquela senhora austera, com seu famoso leitmotiv: “Shhh!”… Por outro lado, todos também conhecemos aquelas pessoas — nós mesmos, talvez — que, de forma mais ou menos inconsciente, ao lerem um texto qualquer começam a murmurá-lo, para o desconcerto dos que estão ao redor (e … Mais Os direitos do leitor: 9) O direito de ler em voz alta

A (imperdível) sabedoria do Padre Brown…

Estamos iniciando a época de férias, e nada melhor do que descansar lendo um pouco de literatura leve, o que não é o mesmo que dizer má literatura. Há muitos exemplos de obras excelentes e ao mesmo tempo super leves e divertidas. Nesta simpática categoria, encaixa-se a imprescindível coleção de contos do Padre Brown, escrita … Mais A (imperdível) sabedoria do Padre Brown…